A Interact apresentou os resultados e conclusões do piloto do Termômetro de Gestão. Trata-se do resultado de muito estudo e trabalho para gerar uma ferramenta que funcione como um termômetro que mede a temperatura e indica que gravidade de febre – porém aplicado na gestão de clínicas e consultórios.

Além de identificar a temperatura, o Termômetro de Gestão também oferece indicações de áreas para melhorar e/ou se proteger.

Nesse post você encontra a apresentação feita dos resultados deste piloto, implantado em parceria com a SBAO – Sociedade Brasileira de Administração em Oftalmologia.

Clique aqui para ver a apresentação.

Termômetro de Gestão 2018 SBAO

Destacamos 2 pontos que nos chamam bastante a atenção, analisando os resultados:

  • Em termos de tecnologia, há um alto índice de informatização inclusive com softwares e soluções potentes. Mas na realidade da gestão das clínicas, é raro esse arsenal se conectar e gerar inteligência de gestão.
  • Termômetro de Gestãoé uma ferramenta auto-declarada. Isso significa que a Interact não se responsabiliza pelas respostas, nem vai auditá-las. Apenas vai oferecer a medição e feedbacks de acordo com as respostas oferecidas pelo “paciente”. E se o paciente der uma “roubadinha” nas respostas? Em parte, pior para ele. Da parte da Interact, nos preparamos para isso. Na faixa dos melhores resultados, há inconsistências nas respostas: é o nosso indicador de que, ao fazer uma eventual auditoria das respostas, a medição final ofereceria uma temperatura mais elevada na gestão da clínica: febre.

Essa jornada de descobrimento e desenvolvimento na gestão é muito interessante. Compartilhe com a gente a sua opinião, a sua experiência…